Suzuka foi a última prova do campeonato Historic F1 1996. Nélson Lira sagrou-se campeão ainda em Monza, pois a pontuação dava-lhe já esta vantagem.
No Japão tivemos 10 pilotos à partida, sendo que só 6 pilotos terminaram a prova, Nélson Lira foi um dos que não conseguiu trazer o seu carro até à meta, ao ver-se envolvido num acidente com André Vitória quando este tentava regressar à pista após se ter envolvido num toque com Tiago Freitas. Luis Carreiro e Paulo Sousa discutiam nesta prova quem ficava à frente, pois ambos tinham 80 pontos, no entanto Luis Carreiro abandonou a prova na volta 14.
Na qualificação os 3 primeiros foram Nélson Lira, Tiago Freitas e Domingos Vaz. Quem acabou por conseguir o primeiro lugar do pódio foi Paulo Sousa que tinha arrancado da 7ª posição da grelha, seguido por Nuno Vitória e Tiago Freitas.
Um longo campeonato que termina com o título para Nélson Lira com 155 pontos, tendo vencido 5 das 8 provas. O Vice-Campeão é Domingos Vaz com 106 pontos seguido de Paulo Sousa com 105 pontos.
Apesar do número inicial de inscritos neste campeonato ser 24 pilotos, o que obrigou a organização a criar mais uma equipa para comportar os pilotos todos, em muitas provas registou-se uma presença média a rondar os 12 pilotos. No entanto há que saudar todos os que se apresentaram em pista semanalmente e tornaram este campeonato competitivo e interessante até à última prova.
Parabéns a todos, e de forma especial ao Campeão Nélson Lira!

A prova de Monza contou com 10 pilotos à partida, no entanto só 6 pilotos é que conseguiram trazer os seus carros até à linha da meta.
Em Monza ficou confirmado Nélson Lira como vencedor deste campeonato, atualmente com 155 pontos o que lhe dá um avanço que mesmo sem pontuar em Suzuka o campeonato fica concluído.
A qualificação ordenava os 5 primeiros da seguinte forma, Luis Carreiro, Nélson Lira, Carlos Santos, Tiago Freitas e Paulo Sousa. Durante a corrida as coisas mudaram um pouco, mas Luis Carreiro chegou a liderar a corrida durante 12 voltas, Tiago Freitas também chegou a liderar por 4 voltas e Paulo teve 2 voltas na liderança, no final foi Nélson Lira que conseguiu o primeiro lugar do pódio, seguido de Tiago Freitas e Luis Carreiro.
Desta forma Luis Carreiro e Paulo Sousa com 80 pontos ambos, podem ambicionar alcançar a 2º posição do campeonato que pertence a Domingos Vaz com 94 pontos.
A próxima prova é em Suzuka e pode ainda determinar algumas mudanças na classificação final deste campeonato, temos emoção até ao fim.
Desde já os nossos parabéns a Nélson Lira por este campeonato fantástico que fez.

A qualificação para a prova de Spa-Francorchamps ditava que Nélson Lira estaria no primeiro lugar da grelha de partida, seguido por Tiago Freitas e Domingos Vaz. Na qualificação vimos vários pilotos a fazer a pole-position sendo que logo em seguida outro fazia um tempo ainda menor.

O próximo campeonato da comunidade Slipstreamsims será o GT3 European Cup. O campeonato irá decorrer de 07-05-2018 a 18-06-2018.
A prova de teste será no circuito de Paul Ricard e depois seguem-se as 6 rondas a contar para o campeonato, Nogaro, Zolder, Jerez, Portimão, Most e Nurburgring. Até à presente data contamos com os seguintes pilotos inscritos para o campeonato GT3:

A prova de Hungaroring contou com 12 pilotos na grelha de partida. A qualificação terminou com Nélson Lira na pole position seguido do seu colega de equipa Domingos Vaz e no terceiro lugar André Vitória. Durante a corrida as coisas mudaram um pouco e Luis Carreiro que tinha largado posição 6 na grelha de partida acabaria por chegar ao terceiro lugar na volta 17.
O pódio ficaria então ordenado da seguinte forma, Nélson Lira e Domingos Vaz da Benetton-Renault e Luis Carreiro da Jordan-Peugeot.